Welcome visitor you can Login or Register

BROMÉLIA -”A FLOR PROIBIDA”

AECHMEA FACIATA MORGANA

Encontrada nas matas de clima tropical, principalmente na Mata Atlântica do Brasil, as bromélias já são protegidas naturalmente por estarem nos galhos das árvores, dificultando assim de serem apanhadas.

Às vezes, para se conseguir uma linda “bromélia” que está nos galhos mais altos, corta-se uma árvore, depredando-se as florestas tropicais protegidas por lei (Código Florestal) , que no art. 26 prevê pena de prisão de três meses a um ano para crimes contra a natureza.

Por essa razão, toda bromélia arrancada da natureza é uma flor proibida, algumas já catalogadas na “Lista Brasileira de Espécies Ameaçadas de Extinção”

Reprodução Meristemática

Para evitar essa depredação à natureza e trazer toda beleza das “bromélias” para dentro de sua casa, pesquisadores brasileiros passaram a produzir uma grande parte das mais de 500 espécies de bromélias em laboratório, por meio da “reprodução meristemática”, que consiste na multiplicação das espécies através da subdivisão das suas “células”, produzindo novas plantas saudáveis e imunes às pragas.

Entre elas encontram-se as seguintes espécies: A “GUSMANIA”, principalmente as variações rubras. A “AECHMEA FASCIATA MORGANA”, com grandes flores rosas. As inúmeras variedades das “VRIESEAS”, entre elas as gigantes, as TIFFANY, as deroose, as splendus. Outras espécies que se destacam pela variedade de cores são as “NEOREGELIA” tricolores, multicolores e piccolo. A ‘’TILLANDSIA” se destaca pelo pendão rosa claro, onde brotam pequenas flores de um lilás vibrante.

Todas as “bromélias” reproduzidas em laboratório e produzidas pelos produtores brasileiros não são proibidas e estão liberadas para a sua satisfação, lembrando que a maioria das espécies gosta de bastante água sobre suas flores e folhagens.

NEOREGÉLIA

VRIESEA

TILLANDSIA

TIFFANY



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Copyright Feira de Flores | 2018
X